Recomendações em medicina de emergência para atendimento ao COVID-19

Mais Imagens

Recomendações em medicina de emergência para atendimento ao COVID-19
R$135,00
A pandemia da COVID-19 mostra-se um desafio aos sistemas de saúde de todo o mundo, em especial aos Departamentos de Emergência e Unidades Terapia Intensiva, e sua capacidade de resposta. No atual cenário, lida-se com eventos que demandam resposta maciça e imediata além de esforços continuados por longo do tempo. Neste cenário de incertezas e sobrecarga é fundamental definir protocolos claros para atendimento de pacientes com suspeita ou diagnóstico da COVID-19, bem como estabelecer critérios justos de triagem e alocação de recursos (que podem tornar-se escassos).
Descrição
Descrição
Descrição
Recomendações em medicina de emergência para atendimento ao covid-19 Editor: Hélio Penna Guimarães; Suzana Margareth Ajeje Lobo; Daniel Ujakow Correa Schubert e Felipe Dal-Pizzol Editores Associados: Maria Aparecida Braga; Thiago Domingos Corrêa; Hugo Corrêa de Andrade Urbano e Roseney dos Reis Rodrigues A pandemia da COVID-19 mostra-se um desafio aos sistemas de saúde de todo o mundo, em especial aos Departamentos de Emergência e Unidades Terapia Intensiva, e sua capacidade de resposta. No atual cenário, lida-se com eventos que demandam resposta maciça e imediata além de esforços continuados por longo do tempo. Neste cenário de incertezas e sobrecarga é fundamental definir protocolos claros para atendimento de pacientes com suspeita ou diagnóstico da COVID-19, bem como estabelecer critérios justos de triagem e alocação de recursos (que podem tornar-se escassos). Entendendo tratar-se de um momento delicado, e pensando na necessidade de um manual que englobe os principais protocolos e evidências atualmente disponíveis, a Associação Brasileira de Medicina de Emergência (ABRAMEDE) e a Associação de Medicina Intensiva Brasileira (AMIB), em parceria com outras renomadas entidades, entre elas a Associação Médica Brasileira (AMB) e a Federación Latinoamericana de Medicina de Emergencias (FLAME), Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC), Sociedade Brasileira de Anestesiologia (SBA), Colégio Brasileiro de Radiologia (CBR), Conselho Federal de Enfermagem (COFEN) e Colégio Brasileiro de Enfermagem em Emergências (COBEEM) apresentam aos profissionais de saúde o livro Recomendações em Medicina de Emergência e Medicina Intensiva para o Enfrentamento da COVID-19. De forma objetiva, a obra reúne informações sobre as várias etapas do atendimento, e seus autores são especialistas das mais diversas áreas da medicina e saúde, como médicos emergencistas e intensivistas, cardiologistas, anestesiologistas, enfermeiros, fisioterapeutas, odontologistas, psicólogos entre outros. Os capítulos são abrangentes, mantendo-se a estrutura dinâmica, e vão desde o atendimento pré-hospitalar, passando por cada especialidade, até a desinfecção final dos ambientes. Dentre os principais assuntos, destacam-se: atendimento inicial do médico emergencista; abordagem geral dos casos de infecção por SARS-CoV-2 pela equipe de saúde, com instruções sobre o uso adequado dos EPIs; recomendações sobre oxigenoterapia no Departamento de Emergência; orientações sobre intubação orotraqueal, ventilação mecânica, ressuscitação cardiopulmonar (adulta e pediátrica) e diálise para pacientes com COVID-19; instruções para uso de ultrassom point of care; atendimento a casos de COVID-19 em emergências pediátricas, incluindo intubação de pacientes pediátricos; plano de catástrofe; recomendações para reutilização cíclica de EPIs; atuação de fisioterapeutas e odontólogos durante a pandemia; atenção psicológica aos pacientes e seus familiares, bem como aos profissionais de saúde, com indicações para o bem-estar emocional da equipe multidisciplinar; discussão sobre alocação de recursos em esgotamento; controle sanitário e estratégias de contingenciamento das UTIs; manuseio de pacientes com pneumonia e insuficiência respiratória; cuidado farmacêutico do paciente crítico, incluindo os fármacos com potencial efeito farmacológico contra o SARS-CoV-2; suporte hemodinâmico e terapia antimicrobiana na síndrome respiratória aguda grave; e princípios de triagem. Espera-se que a leitura sirva de suporte às ações para enfrentamento da epidemia de COVID-19, e as recomendações aqui descritas podem ser adaptadas à realidade de cada instituição. Ao escrever esse livro os autores se preocuparam com atualização dos leitores, por isso irão disponibilizar novas informações e conhecimentos através da plataforma da Editora dos Editores On-line: www.editoradoseditoresonline.com.br.
Título
Recomendações em medicina de emergência e medicina intensiva para atendimento ao covid-19
Páginas
548
Edição
Tipo da Capa
Brochura
Editora
Editora dos Editores
Ano
2020
Assunto
COVID-19, Medicina Intensiva, Medicina de Emergência
Idioma
Portugués
Autor
Hélio Penna Guimarães; Suzana Margareth Ajeje Lobo; Daniel Ujakow Correa Schubert e Felipe Dal-Pizzol
ISBN
978-65-86098-06-8
Comentários

Tags do Produto

Use espaços para separar as tags. E aspas simples (') para frases.

Coopmed: qualidade, inovação e facilidade para os profissionais da área das ciências médicas